Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

agalma

talvez a emoção que menos estimule o poeta seja a alegria, tão breve e rara de sentir

talvez a emoção que menos estimule o poeta seja a alegria, tão breve e rara de sentir

Equilíbrio em tempo incerto

Equílibrio em tempo incerto.jpg

 pintura a óleo, Rui Couto

 

Compreendo a raiva, o desgosto e a decepção

A inércia, a falta de ânimo

Mas não compreendo a violência de nenhuma forma, é irracional e primária. A existência de guerras e a fome em tantos países com déspotas ganaciosos ou ladrões de pacotilha negam a nossa pretensão de evolução.

Acredito que, se respeitarmos o que nos tem sido dado pelo conhecimento científico, cultural e espiritual ao longo do tempo, o saldo entre a harmonia e a violência poderá não ser nulo – embora devesse -, mas será reduzido. E é a partir deste patamar que temos de subir, o desafio é promover o equilíbrio, sempre orientado para a paz e a justiça, em termos abrangentes claro, porque não é possível alargar muito o zoom.

Ainda assim, gosto e vivo de utopias

A violência é uma incapacidade

Gosto de Ghandi.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D